Buscamos transcender com as fronteiras disciplinares e conceituais do processo de inovação.

O corpo docente é composto em sua maioria por jovens doutores com perfil diversificado e disposto a colaborações que levem à interação e convergência de conhecimentos e experiências. Tais princípios só podem ser alcançados a partir do diálogo entre um corpo docente com perfil diversificado e disposto a colaborações que levem à interação e convergência de conhecimentos e experiências, desencadeando numa força renovadora a partir da introdução de novas ideias e novos ideais.

Alessandra Akkari

Email: alessandra.akkari@mackenzie.br

Lattes: http://lattes.cnpq.br/8550868750998147

A possibilidade de romper fronteiras de forma desafiadora e efetiva sempre me estimulou e foi o ponto no qual ancorei minha formação acadêmica amplamente interdisciplinar, sendo Bacharel em Ciência de Tecnologia, Engenheira de Gestão premiada pelo CREA-SP e doutora em Biossistemas, com ênfase em nanotecnologia e inovação farmacêutica, pela Universidade Federal do ABC. Por meio da aplicação harmônica de conhecimentos de diferentes áreas, aliado á criatividade e ao desejo de um mundo melhor, enxergo um caminho para a geração de core competencies em um hub de inovação e empreendedorismo, sendo um pilar transformador na era do conhecimento. É exatamente com esse entendimento que delineio minhas pesquisas, apresentando como principais temas:

  • Gestão da Inovação, Gestão da Digitalização e Transformação digital no escopo de Manufatura Avançada e Indústria 4.0
  • Crescimento sustentável por escalabilidade na biotecnologia industrial
  • Empreendedorismo, Intraempreendedorismo e Startups como meio de otimização e sobrevivência no mercado

Alexandre Braga

Email: braga_ale@yahoo.com

Lattes: http://lattes.cnpq.br/2620123422980018

Tanto nas empresas quanto na minha produção acadêmica, sempre busquei compreender as diferentes formas com que o ser humano interage com as máquinas, penso que o design focado no usuário é capaz de melhorar a interação com os produtos e, consequentemente, a nossa própria qualidade de vida, num mundo completamente dependente da tecnologia. Acredito que a importância que a Interação Humano Computacional tem na nossa vida vai além dos diferenciais comerciais das empresas de tecnologia, isso se torna uma necessidade, na medida em que não podemos mais conceber o mundo sem as novas tecnologias das quais fazemos uso diariamente. A partir dessa certeza é que sempre dirigi a minha pesquisa para a área de ergonomia, design e usabilidade.

Alexandre de Andrade

Email: aacacio@ufabc.edu.br

Lattes: http://lattes.cnpq.br/1461416649933311

A noção que as máquinas e processos poderiam atuar por si sempre me fascinou devido as interessantes possibilidades que isso poderia representar. A oportunidade de contribuir para significativas melhorias da sociedade por meio das abordagens de inovação é bem mais que uma proposta de estudos e pesquisa, mas um convite para as pessoas que sentem e percebem potenciais protagonistas deste momento da sociedade. Compartilhar e colaborar para a inclusão do Brasil no cenário competitivo mundial pode ser realizado se houver uma visão sistêmica entre educação, soluções e estudos constante das tendências. Conte comigo para estudos dos temas abaixo:

  • Estudo da formação de pessoas com visão holística e da automação industrial
  • Estudo dos impactos sócio econômicos das tendências de automação industrial em países em desenvolvimento
  • Aplicação de novas tecnologias para auxilio da gestão dos processos industriais

Anderson Ribeiro

Email: anderson.ribeiro@ufabc.edu.br

Lattes: http://lattes.cnpq.br/8037625739372633

Website: http://www.andersonorzari.com

Desde que ingressei como professor e pesquisador da UFABC tenho trabalhado e orientado alunos em projetos relacionados ao desenvolvimento de novos fármacos fotossensibilizadores para tratamento de câncer e outras doenças da pele. Este trabalho envolve etapas de desenvolvimento em laboratórios, etapas de estudos clínicos em animais e humanos e processos de autorização, produção e comercialização dos fármacos. Tenho buscado compreender e atuar nas diferentes etapas do processo, desde a síntese do novo fármaco até sua comercialização como medicamento, passando por processos de financiamento governamental e de interação com indústrias para sua produção e comercialização.

Andrea Kamensky

Email: andrea.santos@ufabc.edu.br

Lattes: http://lattes.cnpq.br/3051366645203158

Historiadora de formação, com Mestrado em História Social, Doutorado em História Econômica, Pós-Doutorado em História da Ciência, atualmente concluindo a Licenciatura em Artes Visuais, ao longo da minha trajetória sempre busquei novos caminhos e campos de estudos, transitando entre a História Oral, Ciências Sociais, Arte e História e Filosofia das Ciências, com o objetivo, sempre em colaboração, de construir novos conhecimentos transdisciplinares acerca da temática das diversidades culturais e suas relações processos científicos e as tecnológicos.

Atualmente desenvolvo pesquisas e ações de extensão sobre diversidades culturais, de gênero, sexuais, étnicas, intergeracionais, socioeconômicas, de acessibilidade junto à produção de conhecimentos científicos no âmbito das tecnologias sociais e tecnologias de informação e comunicação e junto aos movimentos sociais e culturais da região metropolitana de São Paulo.

Crhistian Baldo

Email: crhistian.baldo@ufabc.edu.br

Lattes: http://lattes.cnpq.br/1575515014882260

Meus interesses de pesquisas são na área de inovação em metrologia. Possuo experiência em metrologia por coordenadas, a saber: estratégias e técnicas para calibração e verificação de máquinas de medição por coordenadas (CMM) conforme ISO 10360 e VDI/VDE 2617; preparação de estratégias e planos de medição; avaliação da incerteza de medição de características GD&T de peças prismáticas e de superfícies livres; medição de peças e inspeção de materiais por tomografia computadorizada industrial (iCT).

Expertise na gestão de laboratórios acreditados pelo Inmetro (ISO/IEC 17025) nas seguintes grandezas: eletricidade; tempo e frequência; dimensional; força, torque e dureza; pressão e massa; temperatura e umidade.

Participação em projetos de pesquisa, desenvolvimento e inovação em instituições sediadas no Brasil (CERTI, UFSC, IPT) e no Exterior (WZL-RWTH Alemanha; PTB Alemanha; INMS-NRC Canadá). Desenvolvimento de soluções tecnológicas em Projetos de Pesquisa e Projetos de Desenvolvimento.

Delmo Moura

Email: delmo.moura@ufabc.edu.br

Lattes: http://lattes.cnpq.br/0667044393114684

Sou pesquisador na área de Sistemas Logísticos relacionado com o transporte marítimo, integração modal (rodoviário, ferroviário, hidroviário e aéreo). A gestão das operações portuárias é um outro foco de meus trabalhos, com o uso da inovação e tecnologia na armazenagem, movimentação e transporte de produtos. Pesquiso as operações logísticas sustentáveis com o uso da simulação de eventos discretos e com o sistema de coleta e entrega de produtos com janela de tempo. Pesquiso também na área de sistemas de produção, com foco na integração da cadeia logística, a construção marítima faz parte de meus estudos, principalmente os segmentos da construção naval, de reparos, de plataformas e construção náutica.

Everton Nadalin

Email: nadalin@dspgeo.com

Lattes: http://lattes.cnpq.br/8753294278340680

Ao finalizar o meu pós-doutorado, decidi me juntar com outros colegas e criar minha própria empresa. A DSPGeo é uma start up que desenvolve soluções para a construção de modelos de velocidade em processamento de dados sísmicos, visando atender à demanda de geração de imagens do subsolo para descoberta e monitoramento de reservatórios de hidrocarbonetos do setor de exploração de petróleo e gás. A empresa foi selecionada pela Aceleradora de Campinas e pelo Núcleo Softex Campinas para passar pelo processo de aceleração durante o ano de 2014 na incubadora da Unicamp. Vivencio hoje muitos dos problemas que a pós inovação procura explicar por meio de suas atividades de pesquisa.

Flavia Motta

Email: fgmotta@ipt.br

Lattes: http://lattes.cnpq.br/8097688282692308

Atuo desde 2007 no Instituto de Pesquisas Tecnológicas do Estado de São Paulo, e desde 2011 tenho papel de gerenciar a área de novos negócios do Instituto. Os temas de pesquisa de meu interesse têm vínculo direto com minha atuação profissional. Estudo, trabalho e busco conhecer cada vez mais sobre o papel que Instituições de Ciência e Tecnologia podem e/ou devem desempenhar em economias de países em desenvolvimento para que o processo de inovação das empresas destes tecidos produtivos sejam intensificados e gerem maior qualidade de vida para seus cidadãos. O recorte de minhas pesquisas centra-se nas condições que favorecem a geração de novas tecnologias que criam riquezas para os países, tendo como principais temas:

  • Papel do Estado e o financiamento do desenvolvimento tecnológico gerado pela Interação entre ICTs e empresas
  • Diferentes padrões de interação entre Institutos de Pesquisa e empresas
  • Papel dos Núcleos de Inovação Tecnológica em Institutos de Pesquisa
  • Fatores de sucesso de inovações geradas pela cooperação entre Empresas e ICTs

Julio Facó

Email: julio.faco@ufabc.edu.br

Lattes: http://lattes.cnpq.br/5669806435463982

Por que algumas organizações inovam mais do que outras? Por que alguns times são mais criativos? Existe um processo de Desenvolvimento de Novos Produtos e Serviços à prova de falha? Cooperação e competição são realmente excludentes para cadeias de valor inovarem? A busca por inovações traz desafios e dilemas às organizações influenciando e moldando setores tradicionais e emergentes, de alta e de baixa tecnologia, de manufatura ou de serviços. Se você é capaz de suportar estas e muitas outras dúvidas, podemos trabalhar juntos.

Meus temas de interesse relacionam-se com a Criação de Valor por meio da Dinâmica de Inovação em Organizações com o objetivo de contribuir para a Geração e Disseminação de Conhecimento sob a égide da Inovação com particular interesse em:

  • Processo de Inovação nas Organizações e Redes de Valor.
  • Políticas Públicas de Incentivo à Inovação.
  • Desenvolvimento de Novos Produtos/Serviços/Processos/Negócios.
  • Capacidade de Inovar das Organizações e Redes de Valor.
  • Estudos de Casos de Inovação.
  • Cultura de Inovação.

Karla Vittori

Email: karla.vittori@ufabc.edu.br

Lattes: http://lattes.cnpq.br/8687973452279739

Atuo na área de Inteligência Artificial, que é composta por métodos computacionais baseados na natureza e no funcionamento do cérebro, entre outros, para a resolução de problemas complexos. Uma dos objetivos desse conhecimento é, modelar o comportamento e os mecanismos cognitivos observados no comportamento social de sistemas de biológicos.

Esses métodos têm sido aplicados a diferentes áreas do conhecimento, com sucesso, nas últimas décadas. Espero aplicá-los no desenvolvimento de produtos e serviços inteligentes e inovadores, que atendam as diferentes demandas de mercado atuais.

Luciana Pereira

Email: luciana.pereira@ufabc.edu.br

Lattes: http://lattes.cnpq.br/1158125164423908

Ao longo da minha carreira tenho tentado entender por que alguns países são mais inovadores do que outros. Fui buscar essas respostas na academia, nas empresas e viajando pelo mundo avançado e emergente. Como não poderia deixar de ser, não encontrei um modelo que pudesse ser simplesmente reproduzido. Por essa razão, tenho tentado juntar, a partir das mais diversas, colaborações, as diferentes concepções do conhecimento que nos ajudem -como sociedade- a compreender os caminhos que nos tornem mais inovadores.

Levando-se em consideração tais aspectos, meus interesses de pesquisas se concentram em:

  • Criar metodologias que permitam sintetizar tecnologia e design na forma de novos produtos e serviços;
  • Propor novos modelos de negócios para diferentes setores;
  • Incorporar aspectos cognitivos no processo de inovação.

Petter Krus

Email: petter.krus@liu.se

Lattes: http://lattes.cnpq.br/6632050652065235

Com o meu interesse de longa data na concepção, desenvolvimento de produtos e engenharia de sistemas, poderei colaborar no aspecto técnico do processo de inovação, bem como compartilhar a minha experiência em fazer pesquisas em parceria com a indústria.

O foco das minhas pesquisas concentra-se em temas relacionados design de sistemas de engenharia, principalmente em relação a dinâmica do sistema, simulação, otimização e métodos para o projeto de engenharia cujas aplicações podem servir para projetos de aeronaves, veículos pesados e máquinas de construção. Espero, assim, fortalecer a troca recíproca e intercultural do conhecimento.

Ricardo Gaspar

Email: ricardo.gaspar@ufabc.edu.br

Lattes: http://lattes.cnpq.br/2939189320249744

Atuo desde muito cedo em projetos e acompanhamentos de obras civis e de infraestrutura, o que me deu grande familiaridade com sistemas de média e alta complexidade. Como acadêmico, tenho ministrado disciplinas técnicas cujos conteúdos remetem às práticas aplicadas usualmente para especificação análise e implementação de sistemas que envolvam pessoas, equipamentos, órgãos públicos e privados. No programa de pós-graduação de Engenharia e Gestão da Inovação pretendo desenvolver pesquisas que resultem em tecnologias que propiciem mais segurança e funcionalidade para as estruturas, quer sejam elas de uma embalagem, de um automóvel ou até de uma habitação em área de risco. Minha expectativa mais ampla é que essas tecnologias possam dar mais conforto e segurança às pessoas, individual e coletivamente.

Rômulo Lins

Email: romulo.lins@ufabc.edu.br

Lattes: http://lattes.cnpq.br/3570763817306325

Como membro do programa de Pós-graduação em Engenharia e gestão da Inovação, estou focado em pesquisar, desenvolver e supervisionar pesquisas de novos produtos e processos que possam contribuir para o crescimento do país, bem como com a formação de mão de obra especializada. Acredito que a parceria entre professor e aluno é de fundamental importância para o desenvolvimento de projetos inovadores, por isso sempre busco ter uma relação honesta e otimista durante os desafios que serão propostos ao longo do tempo. A partir dessas premissas, tenho especial interesse no design, desenvolvimento, simulação e implementação de sistemas automatizados e/ou autônomos que envolvem robôs, técnicas de automação industrial/comercial e simulação de sistemas cujas aplicações possam ser implementadas e usadas no dia a dia de empresas e pessoas.

Rovilson Mafalda

Email: rovilson.mafalda@ufabc.edu.br

Lattes: http://lattes.cnpq.br/0628762134682698

Na Pós em Inovação busco realizar e orientar pesquisas, individualmente ou em colaboração com meus colegas, que ponham em prática a visão de que o caminho mais fértil para florescer processos de Inovação é a Interdisciplinaridade. Essa visão nasce tanto da minha atuação profissional e realização de ações extensionistas como também é reflexo da minha jornada de formação. Em meu dia­a­dia, a Interdisciplinaridade se faz presente quando busco conhecer e compreender práticas individuais e coletivas em atividades produtivas. Dos mais diferentes aspectos que tenho observado, minha conclusão é que o maior desafio para melhorar os índices de produtividade é levar o gene da inovação para o DNA dos indivíduos. De um ponto de vista prático, isso significa entre outras coisas, repensar ações pessoais, repensar funções da tecnologia e, por que não, repensar relações de pessoas com tecnologia.

Com base nessa visão, minhas ações neste programa estão voltadas para busca, promoção e aplicação dos mais recentes conhecimentos e tecnologias, para melhorar o desempenho de pessoas em suas atividades. Agindo dessa maneira, espero contribuir com meus colegas para formar os recursos humanos impulsionadores e multiplicadores de práticas inovadoras que o Brasil tanto precisa. Especificamente, procuro pessoas motivadas para trabalharem comigo nos seguintes temas:

  • Inovação Tecnológica das Práticas Produtivas com base no uso de tecnologias CAx;
  • Modelagem e Simulação de Empreendimentos, Arranjos Organizacionais e Institucionais;
  • Modelagem e Simulação Computacional de Produtos e Serviços.

Silvia Titotto

Email: silvia.titotto@ufabc.edu.br

Lattes: http://lattes.cnpq.br/3662590271740385

Sou uma arquiteta de formação, com foco em inovação tecnológica por meio da biomimética. Apoio-me no design inspirado na natureza como premissa para que forma, função e eficiência sejam concebidas como um todo. Realizo pesquisas nas interseções entre modelagem paramétrica, fabricação digital, ciência dos materiais, sistemas biológicos e geometrias complexas, para projetos de nano a macro escala. Minha abordagem de projeto incentiva a utilização de competências multidisciplinares para propiciar altos graus de customização e versatilidade em produtos e serviços, procurando estabelecer novas formas de representar e prototipar soluções cinéticas que reagem a estímulos ambientais via energia passiva, por exemplo, a impressão 4D. Meu intuito é mediação de interações entre objetos, seres vivos e ambientes naturais ou construídos, instigando a proposição de novos parâmetros para redefinição de naturalidade e artificialidade no século XXI e além. Busco para meu time alunos e colaboradores éticos, que se destaquem por pensar “fora da caixa” e que estejam motivados em inovar disruptivamente.

Meus interesses de pesquisa são:

  • Biomimética
  • Impressão 4D e Automontagem
  • Estruturas Leves Deployable
  • Tesselação de origamis
  • Metodologia de Projetos Experimentais

Zil Miranda

Email: zilmmiranda@gmail.com

Lattes: http://lattes.cnpq.br/1323599863554775

Inovação e políticas públicas são meus temas principais de pesquisa. Tenho buscado compreender a dinâmica dos processos de inovação e discutir políticas capazes de gerar ambientes mais amigáveis ao desenvolvimento tecnológico e às atividades inovadoras. Nessa linha, tive oportunidade de realizar trabalhos, por exemplo, no âmbito do setor aeronáutico no Brasil, comparando estratégias de inovação em diferentes países e de articulação entre agentes públicos e privados visando a construção de agendas tecnológicas prioritárias para a promoção da competividade e inovação no país. No Programa de Pós-Graduação em Engenharia e Gestão da Inovação, meu objetivo é estimular debates dessa natureza, que explorem experiências nacionais e internacionais de inovação, mecanismos de apoio ao desenvolvimento tecnológico, formas de atuação dos entes públicos e privados nessa arena, de modo a ampliar o conhecimento sobre sistemas de inovação, no Brasil e no exterior, e refletir sobre os meios de fortalecer o sistema brasileiro de inovação.